Marcelo Aguiar na Luta contra as Drogas e o abuso do Alcool

Home / Câmara / Marcelo Aguiar na Luta contra as Drogas e o abuso do Alcool

lutacontraasdrogasCONTRA A MARCHA DA MACONHA

Marcelo Aguiar, ao lado da Frente Parlamentar em Defesa da Família Brasileira, pediu apoio ao Ministério Público Federal para impedir a realização do movimento nacional pela legalização da maconha. Membro da diretoria da Frente, Marcelo Aguiar apóia a luta contra a descriminalização da maconha.  “Entendemos que o Ministério Público Federal tem o papel de impedir esta marcha que é uma clara apologia ao uso das drogas e só serve para contribuir para o aumento da violência”, acredita Marcelo.

CONTRA O ABUSO DO ÁLCOOL

A Comissão Especial sobre Bebidas Alcoólicas promoveU audiência pública para discutir o impacto do consumo abusivo de álcool na saúde pessoal e no sistema público de atendimento e ações preventivas. O debate foi proposto pelo deputado Marcelo Aguiar.

LEI SECA
A Câmara dos Deputados aprovou texto que endurece a Lei Seca e aumenta as ferramentas para que a polícia comprove a embriaguez dos motoristas. A proposta torna a Lei Seca mais rígida e permite que testemunho e vídeo sejam usados como prova criminal. O deputado federal Marcelo Aguiar foi o relator pela CCJ e aprovou as mudanças.

SOU CARETA

O parlamentar que também é um dos defensores da bandeira “Sou Careta, Drogas Bah!”, campanha que tem levado por todo o Brasil a conscientização dos malefícios das drogas e suas conseqüências nas famílias. Marcelo Aguiar também apresenta um quadro no programa “De Bem com a Vida” da Rede Gospel de TV onde, entre diversos temas, apresenta entrevistas com especialistas sobre o tema drogas. Assista abaixo duas importantes entrevistas que trarão esclarecimentos e importantes informações sobre a prevenção e o combate às drogas.

EM REDE NACIONAL

Durante o horário nobre da TV, o Deputado Federal Marcelo Aguiar (DEM) falou aos brasileiros sobre importantes ações do governo do Estado de SP, e do Democratas na luta contra as drogas e apoio à dependentes químicos. Assista abaixo o vídeo apresentado.